FACEBOOK


01 novembro 2011

Fukushima pode ter liberado duas vezes mais radiação do que se pensava

 

É isso mesmo: Fukushima pode ter liberado o dobro de radiação do que as autoridades japonesas estimavam. Isso significa muito césio-137 no ambiente; mas para onde é que ele está indo?

Aparentemente, para o mar. Um recente estudo realizado pelo Instituto Norueguês de Pesquisa do Ar mostrou que a quantidade de material radioativo liberada é de 36 mil terabecquerels, ao contrário dos 15 mil terabecquerels estipulados pelo governo japonês. O estudo indica que os dados do governo se referem ao que foi captado por sensores terrestres, mas não incluem o material radioativo presente na água.

Apenas 20% da radiação emitida deve estar realmente na terra, sendo que a maior parte pode ter sido liberada para o Pacífico e 2% atingido outros países. No entanto, enquanto 36 mil terabecquerels é uma quantidade maciça de radiação, ainda é bem menos do que Chernobyl lançou em seu colapso.

Fonte: Gizmodo

Veja também:


0 comentários: