FACEBOOK


23 novembro 2011

Lentes de contato aplicam medicamentos aos olhos do usuário

 

A ideia de criar as lentes de contato tecnológicas surgiu porque os tradicionais colírios têm pouco tempo de ação . Foto: Getty Images

A ideia de criar as lentes de contato tecnológicas surgiu porque os tradicionais colírios têm pouco tempo de ação
Foto: Getty Images

 

Pensando em tornar mais simples o uso de remédios oftalmológicos e também mais eficaz, pesquisadores da Universidade Auburn, no Alabama, Estados Unidos, desenvolveram lentes de contato que são capazes de aplicar o medicamento aos olhos do usuário nas horas certas e de forma controlada.

A ideia de criar as lentes de contato tecnológicas surgiu depois que inúmeras pesquisas provaram que os tradicionais colírios têm pouco tempo de ação sobre a área afetada após serem aplicados. Em apenas trinta minutos, todo o medicamento é expelido da área afetada pelas condições naturais do olho, o que diminui seu efeito.

As lentes desenvolvidas pelo grupo norte-americano são capazes de administrar a dosagem dos medicamentos como antibióticos, anti-inflamatórios e antialérgicos durante todo dia, sem que nenhuma gota do remédio seja desperdiçada. Os pesquisadores desenvolveram dois tipos de lentes de contato: uma que pode ser utilizada por até 24 horas e outra opção, que permite que o usuário utilize a mesma lente por até 30 dias.

"Os resultados indicam que nossas lentes liberam constantemente uma concentração da droga, durante todo o período que as lentes forem utilizadas. Isso é 100 vezes melhor que a terapia convencional, que consiste na aplicação da droga através de colírios. Com os impressionantes números, esta tecnologia é um verdadeiro divisor de águas", afirma Mark Byrne, engenheiro químico ligado ao projeto.

Por enquanto, as lentes de contato tecnológicas são apenas um protótipo, mas os dados divulgados pelos pesquisadores sugerem que elas poderão ser uma excelente opção para tratamentos oftalmológicos.

Fonte: Terra

Veja também:


0 comentários: